20 de jul de 2013

EXPOSIÇÃO DO PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE FOTOGRAFIA.

Amigos e Amigas da boa fotografia...

É HOJE! 22 de julho, as 9:00 da manhã, a abertura Exposição do Prêmio Fundação Conrado Wessel de Fotografia (FCW), na Biblioteca Central da UFPE.

A exposição reúne os três premiados da 11º edição, relativa aos melhores ensaios de 2012, além dos primeiros colocados dos anos 2006 a 2011. Há os trabalhos de Pedro David, Sufocamento; Mauro Restiffe, Plano de Fuga; Bob Wolfenson, Belvedere; Gustavo Lacerda, Albinos; Tadeu Vilani, TV P&B; Marcio Rodrigues e Marco Mendes, O sol no céu de nossa casa; Ricardo Barcellos, Sem Título; André François, A curva e o caminho; Julio Bittencourt, Cidadão X; João Castilho, Redemunho; Tiago Santana, O chão de Graciliano.

Ao todo, são 47 imagens com Curadoria de Rubens Fernandes Jr. e coordenação local dos professores José Afonso Jr. e Maurício Carvalho.

A mostra compõe a programação oficial da 65a. reunião da SBPC (Entidade Parceira da FCW), abrigada pela UFPE pela quarta vez (1953, 1993, 2003, 2013) e faz parte das novas ações da Biblioteca Central, que, reinaugura depois de uma grande reforma e passa a contar com uma série de equipamentos culturais, além dos serviços bibliotecários, de memória e documentação.

É uma oportunidade única de conhecer o valioso conjunto de imagens premiadas pela Fundação Conrado Wessel. É a primeira vez que essa exposição acontece, em nível nacional. Um presente para os olhos, à sensibilidade e à inteligência.


Foto: Mauro Restiffe, Série "Rota de Fuga",
segundo lugar no Prêmio Fundação Conrado Wessel de Fotografia", 2012.

-------
SERVIÇO:

EXPOSIÇÃO DO PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE FOTOGRAFIA.

ONDE: BIBLIOTECA CENTRAL DA UFPE, HALL DE ENTRADA. AV. DOS REITORES S/N, CAMPUS DA UFPE, RECIFE.

QUANDO: 22 de JULHO, 9:00, ABERTURA OFICIAL. E DE 23 DE JULHO A 02 DE SETEMBRO, DAS 08h às 21h, exceto feriados.

ENTRADA GRATUITA. COM CATÁLOGO (1000 primeiros visitantes).

Links:

UFPE: http://www.ufpe.br/
FCW: http://www.fcw.org.br/
SBPC: http://www.sbpcnet.org.br/recife/home/
BC UFPE: http://www.ufpe.br/sib/
NOTA DA ASCOM UFPE SOBRE A EXPOSIÇÃO: http://www.ufpe.br/agencia/index.php?option=com_content&view=article&id=47173:mostra-fotografica-da-fundacao-conrado-wessel-e-aberta-na-segunda-feira&catid=774&Itemid=72

Confira o vídeo da inauguração da Biblioteca Central.

Marcadores: , , , , , ,

4 de mar de 2011

Primeiro Filme da Canon no Brasil é filmado em Olinda

Já está circulando no youtube. Trata-se de um filme promocional da Canon gravado inteiramente com os modelos 5D e 7D da marca. O cenário são as ladeiras, igrejas, monumentos de Olinda, cidade Patrimônio.



Vale conferir também o making of, de como o registro e produção do promocional foi feito. A direção foi de Heitor Dhália, aliás, também pernambucano. É o primeiro filme promocional oficial da Canon Realizado totalmente no Brasil. A escolha de Olinda não foi à toa: impregnar a narrativa com brasilidade.



Pergunta: Será que esse vídeo sinaliza com uma entrada mais forte na Canon no mercado brasileiro? - Apostamos que sim.

.

Marcadores: , , , , , , , , , ,

2 de dez de 2010

AutoDesconstrução. Os medos, sonhos e desejos de Priscilla Buhr

Priscilla Buhr inaugura exposição “AutoDesconstrução”, no MAMAM no Pátio

A idéia: Para se ter uma fotografia sua, é preciso se conhecer – seus medos, sonhos e desejos. A partir dai, a fotógrafa pernambucana Priscilla Buhr, 25 anos, desenvolveu o seu mais recente projeto, que agora se transforma em exposição: “AutoDescontrução” a partir de 03 de dezembro no Mamam no Pátio, espaço cultural da Prefeitura do Recife, localizado no Pátio de São Pedro, no centro do Recife.

São 14 auto-retratos em preto e branco compõem a mostra, que teve como meta principal não só o autoconhecimento, mas a transposição disto em imagens.

“O desafio era realmente me conhecer usando o recurso da fotografia, apesar de eu não gostar até hoje de aparecer em fotos. O trabalho é bastante íntimo, mas o resultado foi além do autorretrato. Posso dizer que não me reconheço nas imagens, é uma desconstrução do que eu sou, uma projeção de mim”, explica a fotógrafa.

O trabalho de Priscilla se sincroniza e tangencia com uma das tendências da fotografia atual, onde o fotógrafo não só assume os elementos de subjetividade lançados no trabalho, como por vezes, é o próprio objeto. O teórico, professor e ensaísta Catalão, Joan Fontcuberta, apropriamdamente, chama essa perspectiva de reflectografia.

A técnica é o light painting (desenho com luz, fazendo com que o facho de lanternas passeie sobre objetos, delineando as formas à medida que reflete nas superfícies). Assim, Priscilla desconstrói a experiência do corpo, diluído e fragmentado nos momentos das fotos, para reorganizá-los no espaço da exposição. Por sí só, é um exercício de quebra e recomposição, que ironiza com o papel da fotografia ser necessariamente espaço e tempo.

A mostra, dividida em pequenos blocos, exibe partes do corpo da fotógrafa, como boca, pernas, mãos. Com influência - assumida - do fotógrafo esloveno deficiente visual Evgen Bavcar, que usa em suas imagens contrastes entre a luz e a escuridão, Priscilla propõe um interessante exercício:
É a partir das sombras que a luz se mostra. Mas, ao mesmo tempo, se esconde. Uma ironia, todavia, com quem pretende ter a visão e/ ou o conhecimento da totalidade das coisas.

Serviço.

AutoDesconstrução. 14 Fotografias de Priscilla Buhr.
Onde: Mamam no Pátio de São Pedro.
Quando: de 03 de dezembro até 22 de janeiro de 2011, de segunda a sexta, das 09h às 17h.
Entrada: Grátis.


.

Marcadores: , , , , , , ,

29 de nov de 2010

Oscar Wilde


Foto: Afonso Jr.

- O verdadeiro mistério do mundo é o visível, e não o invisível.
- Oscar Wilde.

.

Marcadores: , , , ,

26 de nov de 2010

Alguma dúvida sobre a convergência vídeo x foto?

A dica veio do colega espanhol, Juan Miguel Aguado, professor da Universidade de Múrcia, durante o congresso Periodismo y Web 2.0, realizado em Bilbao.

Trata-se de um vídeo capturado, editado, sonorizado TOTALMENTE num Iphone 4! Além, claro, do upload para a rede. O software utilizado foi o Imovie.

Choca a qualidade e a capacidade de processamento. Vejam e tirem suas conclusões. No vídeo, após a historinha, tem um making of. Se quiser ver no youtube em alta resolução, clique aqui.




.

Marcadores: , , , , ,

22 de out de 2010

Mais uma para a coleção de barbeiragens no photoshop

Circulou nas listas de fotografia... Revista Caras desta semana.


Coisa tosca, nem amador faz isso.
Sem comentários. O Photoshop Disasters, agradecerá.

.

Marcadores: , , ,

21 de out de 2010

Cegueira e visão, parte 2. Borges e Bresson.

Já cego, muito do que ocupava Borges passou a dizer respeito a fotografia. Em 1986, Borges indica para ganhar o prêmio Novecento (dado por uma fundação italiana) Cartier Bresson.

É um prêmio com o critério esquisito, de que, quem ganha indica, dois anos depois, o ganhador subsequente. Mas, estranhezas a parte, vamos lá:

Borges pessoalmente telefona a Bresson para confirmar se ele aceitaria a premiação. "Mas, por que eu?", responde Bresson.

- "Porque sou cego, disse Borges, e quero te dar o prêmio em reconhecimento aos teus olhos".

.

Marcadores: , , , ,

Cegueira e visão, parte 1.

"Todo olhar tem seu ponto cego na retina. Todo sistema visual leva a uma zona de cegueira que é a contrapartida necessária a zona de esclarecimento"

- Edgar Morin, O vivo do sujeito, 1969.

.

Marcadores: , , ,

12, talvez 10 fotos boas!

Tá no livro a Camera de Pandora, de Joan Fontcuberta, recentemente lançado no mercado editorial europeu:

Uma vez, quando Eugene Smith foi homenageado no festival de Arles, na França, armaram um encontro entre ele e Cartier-Bresson. Expoentes máximos do estilo "documentação social", que trabalharam no passado compartilhando causas e aventuras, sem nunca dissipar uma rivalidade humana.

Smith: E tu Henri, Quantas fotografias boas, verdadeiramente boas, crês que conseguiste fazer na tua vida?

Bresson: Eu creio que umas 12, tavez só 10.

Lição que extraio desse diálogo: Não é o quanto, é o quando. Não é o que, é o como.

.

Marcadores: , , , , ,

13 de out de 2010

Uma, do Ansel.

Mais uma, dos porões da biblioteca onde cato documentação pra pesquisa:

Nào há regras para bons fotógrafos, há apenas bons fotógrafos.
—Ansel Adams.

.

Marcadores: , , ,

29 de set de 2010

Qual a melhor grande angular?

A melhor do dia de hoje, em meio à biblioteca da Pompeu Fabra, encontro isso:

Qual a melhor grande angular?
“Melhor lente angular? Dois passos pra trás!"
- Ernst Haas.

Pois é, né! Sigamos em frente.


Foto: Ernst Haas.



.

Marcadores: , , , , ,

24 de set de 2010

Mais uma barbeiragem: Mubarak à frente de Obama

Não sei o que se passa na cabeça dos editores de foto de jornais quando pensam em manipular uma imagem e imaginam que, em pleno tempo de web, a coisa não vai vazar.

O mais novo exemplo da conjunção manipulação/ jornalismo/ internet já está circulando nas redes. A vítima dessa vez: O eterno presidente-faraó-califa egípcio Hosni Mubarak.


O Al-Ahram, o principal diário oficial egípcio, publicou nesta terça-feira nas edições impressa e digital uma imagem manipulada do início das negociações de paz entre palestinos e israelenses, que aconteceu no começo do mês na Casa Branca.

Na foto se vê o presidente do Egito, Hosni Mubarak, 82 anos, caminhando em um tapete vermelho, seguido pelo presidente americano, Barack Obama, pelo primeiro ministro israelense, Benjamin Netanyahu, pelo rei Abdullah da Jordânia e pelo líder da Autoridade Nacional Palestina, Mahmud Abbas.

A imagem verdadeira, tirada pelo fotógrafo Alex Wong para a agência Getty, mostra Obama liderando a comitiva. Na imagem alterada a silhueta de Mubarak foi cortada, girada e levada para primeiro plano.

.

Marcadores: , , , , , , ,