27 de jun de 2010

Para entender a fotografia atual: After Photography


After Photography: Fred Ritchin dá pistas
de como chegaremos à Hiperfotografia.


Recentemente lí After Photography para trabalhar as idéias de Hiperfotografia na disciplina "Meios Visuais e Cultura da Convergência", que ensino no mestrado/ doutorado em Comunicação da UFPE.

A perspectiva de Ritchin é bastante provocadora: A fotografia está passando pelas mesmas modificações que atravessam a sociedade e a natureza. Exemplo? Em tempos em que se manipulam sequências genéticas, se sintetizam formas de vidas e clonam-se seres, por que o estranhamento pela manipulação extrema pela qual passa a imagem?

Esse é só um dos tópicos explorados no livro. Na verdade, Ritchin aposta que está se formando para a fotografia o mesmo que se apresentou para a linguagem escrita através do Hipertexto: ou seja, uma forma associativa, não-linear, multivocal, de narrativa aberta e descentralizada de se acessar textos. Do mesmo modo, valendo-se deste paralelo com o hipertexto, que reconfigura a produção de sentido do escrito, e assim é algo a mais e diferente que o texto; a hiperfotografia estaria reconfigurando o campo do visual, sendo mais que a fotografia em si.

A foto teria assim a capacidade de assimilar e alimentar outros discursos visuais da contemporaneidade. Como o 3D, o CAD, a simulação, etc. Isso estaria ampliando o campo do visível e do que pode ser entendido como imagem fotográfica na atualidade.

Bem, as concepções presentes em After Photography por vezes espantam. Mas, Ritchin tem o mérito de não só ficar na especulação. Traz muitos exemplos, vincula com precedentes da história da fotografia e sem cair nas tentações teóricas. Não é compreensão da fotografica como semiose, nem como estética. É fotografia em diálogo com a cultura. No caso, a contemporânea. Tecnológica, de alta velocidade, onipresente e recombinada com outros regimes de produção de sentido visual.

Leitura imperdível.

.

Marcadores: , , , , ,

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial