12 de mai de 2010

Por onde andam suas imagens? Uma solução profissional.

PixID É o irmão maior do TinEye, mas opera com o mesmo princípio só que numa escala muito mais ampla e, por isso mesmo, é um serviço pago.

A ferramenta funciona da seguinte forma: faz-se a carga de um conjunto de imagens no servidor do sistema, que são comparadas através de robôs de busca tanto na internet como em material impresso. como assim?

o PixID tem um banco de imagens escaneadas e convertidads para PDF que aumenta todo mês. Eles falam no release em 5000 publicações. Essas imagens são analisadas por amostra, isto, é por uma comparação entre pixels, e não a imagem toda. Ao irem se encontrando semelhanças essa amostragem vai sendo ampliada até combinar totalmente com a foto carregada.

O sistema compara imagens completa ou porções, imagens com fundo ou elementos alterados, com sobreposição de textos e/ ou colagens, convertidas para p/b, etc. Faz um relatório e envia um PDF para o cliente.

Vale conferir o vídeo abaixo e também o PDF explicativo do sistema.

Dúvidas...? Preço, tempo de licença, biblioteca da publicações em português ou brasileiras?

Todavia, gente de peso está usando a ferramenta. Adobe, Istockphorto, France Presse, Associated Press e digg.

É importante por representar uma ferramenta para controle e acompanhamento do uso indevido, ou desconhecido... Afinal, as imagens nunca deixam de ser suas.





.

Marcadores: , , , , , ,

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial