6 de out de 2009

Inventores do CCD ganham Nobel


Willard Boyle eGeorge Smith, inventores do CCD, em 1969.



A primeira camera digital. Ainda de laboratorio. Uma Kodak
.

Com dados da agencia Estado.


ESTOCOLMO - Dois pesquisadores que criaram a tecnologia responsável pela fotografia digital ganharam o prêmio Nobel de Física de 2009. O anúncio da categoria foi feito hoje, em Estocolmo, na Suécia.

Willard S. Boyle e George E. Smith venceram por inventar um circuito semicondutor de imagens conhecido como sensor CCD. Esta invenção se constitui na base tecnológica que substitui uma película sensível, o filme, por um semicondutor sensível a luz, o sensor. Isso deflagra, a partir dos anos 1990, a consolidação da fotografia digital.

Boyle e Smith trabalharam juntos para inventar o dispositivo de cargas interconectadas (CCD, na sigla em inglês), o olho da câmera digital em todos seus modelos, desde a fotográfica mais barata ao instrumento cirúrgico delicado de alta velocidade. O invento completa, em 2009, 40 anos.

Em seu comunicado, a A Academia Real das Ciências da Suécia citou que Boyle e Smith "inventaram a primeira tecnologia de imagens bem-sucedida utilizando um sensor digital, um CCD. A tecnologia CCD usa o efeito fotoelétrico, que remonta à Albert Einstein e pelo qual ele foi agraciado em 1921 com o Prêmio Nobel".

A dupla, trabalhando nos Laboratórios Bell, em Nova Jersey, desenhou um sensor de imagem que poderia transformar a luz em um número grande de pontos de imagem, ou pixels, em pouco tempo. "Revolucionou a fotografia, já que a luz poderia ser agora capturada eletronicamente em lugar de se fazer em película", completou a academia.

Marcadores: , , , ,

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial